Lua de Mel no Canadá {Rachel e Thiago}

Eles também casaram na graminha. ♥ Foi um casamento lindo e especial. Logo logo dividiremos com vocês as fotos desse dia. 🙂
Além disso, a Rachel é uma das sócias da Honey Cakes e é ela a responsável por 98% de todos os bolos lindos e deliciosos que você vê por aqui.

Mais uma curiosidade bacana sobre esse casal: Thiago era guia na Disney e eles se conheceram lá enquanto a Rachel turistava. Uau, né?

Com toda essa magia, a lua de mel tinha que ser em mais um destino que se aproximasse dos contos de fada. ♥


“Indicamos a todos (de lua de mel ou não) fazer o nosso roteiro, pois ficamos muito apaixonados por tudo!”

Por Thiago Gusmão

Enquanto buscávamos destinos pra Lua de Mel, a gente sempre caía no Canadá. Pela beleza do lugar e também pelo clima de lua de mel que os lagos e montanhas nos trazia.

Dividimos nosso roteiro em: 6 dias em Banff, 2 dias em Lake Louise, 4 dias em Vancouver e 3 dias em Whistler

Em Banff, ficamos no Banff Best Western Siding 29, que fica na avenida principal de Banff.
A localização do hotel era ótima e a cidade tem estacionamento público, que sempre tem vaga.
Banff é a típica cidade dos sonhos. Apenas uma rua principal, tudo com clima de Natal o ano todo. A montanha sempre com neve, os hotéis todos com aquela arquitetura de montanha e os passeios são muitos! 

Banff National Park

O mais incrível sem dúvida foi o passeio de gondola até o topo da montanha. 

Passeio de gondola.

Banff também se destaca pela quantidade de restaurantes. Comemos um hambúrguer delicioso (e caro) no The Maple Leaf. Também indicamos o grego Balkan e o italiano The Old Spaguetti Factory (que tem um preço ótimo).

Que lugar incrível! Nos sentimos dentro de um cenário de filme, dentro de um sonho. Que cidade linda, bem cuidada, com pessoas super educadas e ultra limpa. Jamais vimos um lixo sequer em qualquer lugar, vimos (muitos) animais silvestres livres pela rua sem serem perturbados por ninguém. Altamente recomendado a todos.

Banff é o primeiro parque nacional do Canadá e completa 150 anos em 2017.
Inúmeras trilhas levam a lagos e montanhas sensacionais. Não é nada incomum encontramos com ursos, alces, veados, e vários outros animais. 

Banff National Park

Lake Minewanka

Então fomos para Lake Louise (o incrível lago turquesa que nos levou até o Canadá).

O incrível lake Louise nos presenteou com bastante neve pra deixar o clima da lua de mel ainda mais romântico!

Um lugar impactante, intocável e que jamais sairá das nossas memórias.

Coloquem esse lugar na sua lista de desejos de viagem!

Lake Louise não possui cidade ou centro comercial, o objetivo lá é a contemplação do lago. Ficamos no hotel Fairmont, que é sensacional, e traz uma sensação única de exclusividade quando você abre a cortina do quarto e dá de cara com aquele lago. 

O hotel conta também com a experiência do chá da tarde (muito concorrida) onde você bebe quantos chás quiser (a carta de chás é enorme) e vem na mesa vários petiscos (doces e salgados). Tudo isso com uma janela para o lago. 

O quarto é impressionantemente confortável e romântico.

O hotel inclui passeio com guia particular ao redor do lago (ida e volta 3 horas) onde o guia te conta toda a história do Canadá e de Lake Louise. Completamente apaixonante! Fomos em Outubro e era outono no Canadá, porém estavam congelantes 13 graus negativos. Não indico o passeio no inverno, pois o lago congela e a temperatura varia entre 35 a 50 graus negativos (segundo o guia). 

Fizemos uma trilha com um guia que nos levou até o outro lado do lago. Que lugar sensacional!

Lá no fundo o nosso hotel Fairmont.

De lá partimos para Vancouver. Ficamos no hotel The Burrard, que tem uma pegada retrô e foi uma excelente escolha.
A cidade de Vancouver não é muito grande, então dá pra conhecer bastante coisa em 3, 4 dias.

Os nossos passeios preferidos foram: aquário de vancouver e a capilano bridge (um parque natural onde você passa o dia passeando entre pontes dentro de uma mega floresta! A maior ponte suspensa do mundo está lá! Foi muito bom este passeio).

Capilano Bridge Park.

Pontes suspensas do Capilano Bridge Park

Fomos praticamente todos os dias ao mercado municipal de Vancouver, um clima muito agradável e as comidas espetaculares (parada obrigatória). Também provamos o típico sushidog. Um cachorro quente com algas e shoyu. 

Sushidog

Além do mercado municipal, o restaurante Ramen Danbo é espetacular! Geralmente tem 2 horas de fila, mas chegamos logo que abriu e esperamos apenas 10 min para sermos atendidos.

E pra finalizar a viagem fomos a Whistler, cidade que recebeu jogos olímpicos de inverno, eleita melhor cidade pra ski do mundo.

Muito aconchegante, nosso hotel Crystal Lodge, ficava na rua principal da cidade. Cidade com muitas opções de restaurantes e passeios.

Em Whistler indicamos o restaurante Mongolie Whistler Grill, culinária mongol, onde você escolhe os ingredientes e o chef prepara sua refeição. 

Optamos por fazer o passeio mais incrível da viagem, subir a montanha de whistler num atv (quadriciclo). Fomos revezando a direção (e a aventura!) até chegar ao topo da montanha e nos deparar com muita neve, mesmo fora de época (lá no topo tem neve o ano todo).

Indicamos a todos (de lua de mel ou não) fazer o nosso roteiro, pois ficamos muito apaixonados por tudo!
Esperamos voltar lá no verão pra fazermos os passeios diferentes que estavam fechados na época que fomos.

Thiago e Rachel